24 de maio de 2011

SAMMY, ♥ [parte 2]

  Logo quando chegou a casa, Sr. John estava ainda na sala, dessa vez assistindo TV e ouviu a porta batendo.
- Tava aonde senhorita Samantha? – pergunta Sr. John sem olhar para trás.
- Já disse pai, fui respirar um ar puro... – escondeu o boque atrás dela mesmo e começou a subir a escada de lado.
- Da próxima vez peça antes de sair.. – Falou Sr. John, voltando o olhar para ela.
- Sammy escora seu corpo rapidamente na escada escondendo o boque e fala: Sim Sim, desculpinha...
       Ele volta a assistir a TV, e ela vai até o seu quarto sem chamar muita atenção, chegando lá, jogou a carta em cima da cama, colocou o boque sobre a mesa, pegou a outra carta que estava na sua calça, ficou olhando para as mesmas e sem saber quem mandava, tentou deduzir umas hipóteses, mais sem sucesso por não conhecer ninguém., ficou pensando nisso até que guardou as cartas em uma caixa de sapato que fica debaixo da sua cama. Quando estava quase dormindo, ela arregala os olhos e fala para ela mesma:
- Limpz!
    Daí em diante ela, ficou meio sem jeito por desprezar o convite do garoto... E passou a noite em claro, pensando como ele reagiria ao ver ela no colégio novamente, como ele ia chegar para falar com ela, como ele iria abrir o jogo. O tempo passou muito rápido para ela, quando ela viu já estava na hora de se arrumar para ir para o colégio, se arrumou depressa e enquanto descia as escadas alegremente:
- Saaaaaammy! Mim espera? – Pergunta Júnior comendo rapidamente.
- Não dá Júnior, hoje não dá! – Fala Sammy apressando os passos.
- Filha vai querer uma carona hoje não? – Pergunta Sr. John.
- Não pai, eu tenho umas coisas a fazer ainda... – Fala abrindo a porta Sammy.
- Ei vai comer nada não menina? – fala Sr.ª Sandy.
- Não mãe, eu como no colégio, prometo! – Sai Sammy, fechando a porta.
          Alargando seus passos até chegar ao colégio. Quando chega a sala, ela ver um papel em cima da carteira que ela sentou no dia passado, ela dá um sorriso e senta no mesmo lugar, pega o papel e guarda dentro do seu caderno prefere não ler ainda, sorridente, levanta do seu lugar e fica na porta da sala, esperando... Chegam 2 garotos do grupo de basquete, deixam as coisas sobre as suas respectivas cadeiras e vão para a quadra jogar antes de começar a aula, a sala começa a lotar lentamente, e os grupinhos vão se formando o grupo de basquete na quadra, o grupo acadêmico estudando no centro da sala, o grupo dos engraçadinhos falando sobre coisas que realmente ninguém quer saber, quando finalmente chega Limpz, ela fica parada de cabeça baixa, ele passa e dá um sorriso para ela, entra na sala e coloca seus pertences no seu lugar e senta, Sammy fica olhando para ele, ele está de costas para ela conversando com os amigos no final da sala, Keith chega na porta da sala.
- Oie! – fala Keith.
- Ãn? Ah oi! – Responde desprevenida e disfarçando, Sammy.
- Tudo bem? – Pergunta Keith.
- Sim sim, porque não?! – Responde muito rápido, Sammy.
- Hm.. Nada, vamos entrar? O professor vem vindo! – Sugere Keith.
- Vem vindo?! – fala o Professor Ryan, atrás de Keith.
       As duas dão um leve riso... E entra na sala, Ryan fecha a porta e fala para a sala formarem duplas para a avaliação surpresa, grande parte da sala contesta. Segundo dia de aula uma avaliação, mas acaba prevalecendo à opinião do professor, a sala vai montando seus grupos rapidamente.
- Sammy, tem dupla? – Pergunta Keith.
- Eu gostaria de fazer com outra pessoa... Você se incomoda? – Fala Sammy.
- Não Sammy... – Fala Keith.
- Sério? – Interroga Sammy.
- Sim relaxa... – Fala Keith, Pisca o olho para Sammy.
- Aiin, obrigada! – Fala Sammy.
              Sammy, vira e vai falar com o Limpz.
- Limpz.. Eu acho que não fui muito agradável com você ontem, quer fazer essa prova comigo? – Fala meio sem graça, Sammy.
- Claro gata! – Responde Limpz sem pensar duas vezes.
         Eles começam a fazer a avaliação, após fazer a prova toda sozinha, Sammy, decide largar a timidez de lado e perguntar de uma vez sobre as cartas.
- Limpz, eu já sei... – Fala timidamente, Sammy.
- Limpz impressionado responde: já.. Sabe?
- Sim sim... Porque não teve coragem de falar comigo de uma vez? Peguei tão pesado assim ontem? – Fala Sammy.
- Isso não são coisas que podem falar assim, abertamente sabe... – fala Limpz tímido.
- Como assim? Achei meigo... – Fala Sammy, meio sem graça e corada.
- Sério? Primeira garota que mim diz isso...  – Fala Limpz confiante.
- Sim... - Conclui Sammy.
    Quando eles estão perto de se beijar, o intervalo toca.. O professor recolhe as avaliações e sai da sala junto com os alunos, um colega do Limpz chamado Sans cutuca o ombro de Limpz.
- Conseguiu hein! – Fala Sans
- Ér...  – Fala Limpz com raiva.
- Conseguiu o que? Fala Sammy olhando para os dois.
- Passa lá na loja e escolhe a chuteira! Eu tenho que reconhecer que perdi.. – Fala Sans.
- Perdeu o que? – Pergunta Sammy, sem saber o que está acontecendo.
- Sans senta em cima da carteira de Sammy, Olhando ela – Bem, eu e o Limpz fizemos uma aposta sadia, que ele não conseguia te beijar... E acho que perdi.
- Sammy olha indignada, quase chorando e fala: eu não te beijei! E era para isso que mim mandava cartinhas né?
- Ui! Cartinhas Limpz... – Sans zoa Limpz.
- Ei! Eu não mandei cartinha nenhuma... – Fala Limpz.
- Não? – Fala Sammy.
- Não! – Responde Limpz.
- Sammy fala: Ridiculo! – Sai de junto deles 2.
- Seu Animal! Acabou com meu futuro namoro... – Falou Limpz.
- Larga de ganância viu?! Você quer a menina e a chuteira quer demais não acha? – Sans fala ironicamente.
- Tô logo falando quero a mais cara! – Fala Limpz.
- Você perdeu “pai”! Quero aquela sua... A Cinza. –Fala Sans, abraçado com Limpz.
- Aff Precisava lembrar?! – fala Limpz.
    Sammy vai para estufa de flores do colégio e fica observando as flores, querendo chorar de tamanho ódio, guardado dentro de si própria.. Ela não deixa uma lagrima cair no seu rosto, e acha que é bom momento para ler a carta que achou quando chegou à escola, ela vai até a sala... Recolhe seu material coloca todo dentro da mochila de qualquer forma e sai da sala sem falar com ninguém, ela caminha até o portão da escola, ela pega no seu caderno abre e pega o papel... E quando começa a ler, ela tropeça em uma pedra, e cai no chão, não se machuca mais essa pedra prendia um papel embaixo da mesma, ela pegou o papel, levantou e pós os papeis da ordem que ela achou e começou a ler enquanto voltava para casa.

   “Minha curiosa linda, eu não consigo parar de pensar em você, ontem mesmo... quando eu bolei aquele teste, minha mente estava perturbada quando eu vi você e o idiota do Limpz, juntos... Acredito que saia primeiro do que eu do colégio hoje, vou deixar outro bilhete no caminho, cuidado..”

- Sammy, dá um sorriso e suspira: Ain...
      E em seguida parte para a segunda carta.

    “Capaz de você nem ler essa carta, já que pensa que tudo é ilusão... que eu só quero brincar... algo mais forte mim fez escrever isso mais uma vez, mais que pena eu não posso comandar seus pensamentos, se estivesse este poder... você estaria comigo em todo lugar a todo o momento.”

COMENTEM ABAIXO! ↓

6 comentários:

Leide Brown. disse...

quero a parte 3 , tipo NOW U.U

jessica roberta disse...

Quero a parte 3 logooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo ;)

Anônimo disse...

Eu espero q vc nao me mate de curiosidade e post logo o ep 3 akee..
ta muuut foooda Dih *------*

Beiijinhos, Taaih*

Negãao do Trocoo! disse...

Show'
kdê a parte 3 mano'

Anônimo disse...

Adoreiiii....
Quero ver a parte 3 .. curiosidade ~~..
bjs thaii

Anônimo disse...

Limpz, nãooo prestaa ! kkkk bjooos diih ! by: Marii